quinta-feira, janeiro 20O Piauí se conecta aqui!

Sesapi estima 9 mil casos de covid “represados” no Piauí desde ataque hacker no e-SUS

O Piauí possui pelo menos 9 mil casos de covid-19 “represados” em função do ataque hacker ocorrido na  plataforma e-SUS, o sistema que notifica mortes e casos provocados pelo novo coronavírus em todo o Brasil. A informação é da Secretaria de Saúde do Estado (Sesapi). 

De acordo com a Sesapi, nesta quinta-feira (06) o e-SUS liberou todos os casos confirmados de Covid-19 no período em que o sistema esteve fora do ar. O ataque aconteceu por volta do dia 9 de dezembro de 2021, mas durante todo esse período, as secretarias municipais de saúde do Piauí continuaram alimentando o sistema com informações anteriores ao ataque. 

Com a liberação dos dados pelo e-SUS, o Centro de Informação Estratégica em Vigilância em Saúde (CIEVS) da Sesapi informa que, no boletim Covid de hoje, haverá um aumento considerável no número de casos.

“Então teremos cerca de nove mil casos represados. O objetivo é manter a transparência dos dados e, queremos dizer para a população não se preocupar porque são números que estavam retidos durante essa instabilidade da plataforma”, afirma o Superintendente de Atenção à Saúde e Municipios da Sesapi, Herlon Guimarães.

O boletim de hoje, de acordo com a Sesapi, vai trazer números represados desde 11 de outubro de 2021 até o dia 06 de janeiro de 2022. 

O e-SUS estava inacessível desde 10 de dezembro. A página do ConecteSUS, responsável pela emissão pela emissão do Certificado Nacional de Vacinação Covid-19, ainda segue fora do ar.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments