segunda-feira, julho 4O Piauí se conecta aqui!

Procon vai interditar postos de combustíveis reincidentes em práticas abusivas

O Procon vai interditar os postos de combustíveis reincidentes em práticas abusivas que forem flagrados durante as próximas fiscalizações no Piauí. A informação foi confirmada nesta segunda-feira (20) pelo chefe de fiscalização do órgão, Arimateia Area Leão, que explica que vários estabelecimentos já foram flagrados mais de uma vez cometendo a mesma irregularidade. 

“É um último recurso que vai ser adotado pela coordenação do Procon para os postos que forem reincidentes nessas práticas abusivas”, explicou o chefe de fiscalização. 

Nos últimos dias, as equipes do Procon voltaram a flagrar aumentos abusivos no preço dos combustíveis comercializados em postos da capital. Segundo Arimateia Area Leão, alguns estabelecimentos reajustaram o valor nas bombas ainda na sexta-feira, data em que a Petrobras anunciou o reajuste de 14,2% no diesel e 5,2% na gasolina.

O chefe de fiscalização do Procon explica que são pelo menos cinco dias para que o reajuste nas refinarias chegue até o consumidor final. 

“Muitos postos aumentaram ainda na sexta-feira, outros aumentaram no sábado e no domingo. Segundo informações da ANP, para sair da refinaria e chegar na distribuidora, o prazo mínimo é cinco dias. Então, é uma prática abusiva de exercer vantagem sobre o consumidor. Aumento de preço sem justificativa”, destacou. 

Nesta segunda-feira (20), as equipes do Procon fiscalizam os postos de combustíveis de Teresina, para apurar as denúncias de aumentos abusivos nos preços. Nos próximos dias, o trabalho de fiscalização também deve ser ampliado para cidades do interior do Estado.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments