sábado, maio 28O Piauí se conecta aqui!

Prefeitura fará estudo de riscos em galeria após cratera se abrir no Dirceu

O superintendente das Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste, Zé Nito (MDB), afirmou que as obras de reparação da cratera que se abriu sob uma galeria no Bairro Dirceu serão concluídas até o sábado (12). A declaração foi dada durante uma visita do prefeito Dr. Pessoa nesta quinta-feira ao local. 

“A empresa garantiu que no sábado, dia 12, vai estar concluído a obra. Mas queremos fazer um alerta para que a população não trafegue nas imediações do conjunto da Agespisa, mais precisamente na quadra 222”, pontou. 

Na última segunda-feira (07), um homem que passava pelo local acabou caindo dentro da cratera e precisou ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros. 

Zé Nito explicou que a via se rompeu devido ao uso inadequado de material, canos de PVC, na época em que a galeria foi construída. 

Ele explicou que a administração municipal fará a reparação pontual no buraco aberto de forma emergencial e anunciou que a Prefeitura de Teresina vai realizar um estudo para verificar a viabilidade de realizar novas obras para substituir todo o material ao longo da estrutura. 

Segundo Zé Nito, a galeria se estende do Mercado do Dirceu até o rio Poti e não descartou a possibilidade de que novas fissuras em outros trechos da via. Ele acrescentou que o risco existe, pois toda a galeria foi construída com o material que, segundo ele, não é o adequado.

“Esse material que é uma espécie de PVC, segundo os engenheiros, não é adequado, tem que ser tubos de concreto, manilhas. Então, com o tempo ele vai se deteriorando e vem o processo erosivo. Posteriormente, vamos fazer um estudo e ver a possibilidade de fazer o serviço como deve ser feito com as manilhas adequadas em todo o percurso da galeria”, declarou.

O prefeito Dr. Pessoa também fez críticas ao material anteriormente utilizado para construção da galeria e classificou o serviço como inadequado. Ele também reforçou que a administração municipal fará a reparações pontuais ao longo deste ano e depois iniciará um estudo para verificar a possibilidade de troca dos canos em demais áreas. 

“A cidade está cheia de problemas e outras da administração passada, fazer uma tubulação destas com plástico? Não teve uma fiscalização e deve ter ocorrido algumas coisas não republicanos da administração anterior que não fez um serviço adequado, respeitando quem paga impostos”, frisou.

O morador da região, o militar José Ribamar, 69 anos, relatou que o buraco na rua se abriu a meia-noite do último sábado (07). Ele explicou que um veículo trafegava no local no momento do rompimento e chegou a ficar preso no buraco. Um guincho foi chamado para fazer a remoção e felizmente não houve vítimas.

“Um carro do colega ficou enganchado ele estava passando quando aconteceu, mas ninguém se feriu”, declarou.

Outro morador, o autônomo Lindomar Sales, 50 anos, reclamou que essa não é a primeira vez que a população do bairro sofre com esse tipo de problema e cobrou que a Prefeitura de Teresina, desta vez, realize uma obra definitiva.

“Esse buraco aí já fecharam, já vieram vários serviços, duas ou três vezes, e aconteceu a mesma coisa. Queremos que a obra seja fechada de uma maneira eficaz para que daqui há 15 ou 20 dias não ocorra o mesmo problema”, reivindicou.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments