domingo, dezembro 5O Piauí se conecta aqui!

Prefeito Dr. Pessoa e SMPM assinam termo de cooperação para Casa da Mulher Brasileira

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa e a secretária de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), Karla Berger, assinaram, nessa terça-feira (16), o Termo de Cooperação do Programa Mulher Segura e Protegida, projeto que será implementado na Casa da Mulher Brasileira (CMB) em Teresina. Com o documento, a prefeitura firma o compromisso de viabilizar atividades de cunho social, jurídico e psicológico para as mulheres em situação de violência doméstica e de gênero.

Além disso, o programa consiste na execução de ações estratégicas para a integração dos diversos serviços públicos no atendimento dessas mulheres. Durante o evento, o prefeito destacou a chegada da CMB em Teresina e da importância de criar políticas de atenção à mulher em situação de vulnerabilidade. A assinatura foi realizada na abertura dos 16 Dias de Ativismo, realizado pela Coordenadoria de Estado de Políticas para Mulheres do Piauí (CEPM\PI), no Palácio de Karnak.

“É um trabalho árduo que vem sendo realizado nesta gestão para poder transformar Teresina em uma capital segura para toda e qualquer mulher”, destaca o prefeito. “Nesta cerimônia, reafirmamos nosso compromisso com a CMB e nos comprometemos cada vez mais com a nossa missão: cuidar do povo teresinense, em especial aquelas que mais precisam”, disse Dr. Pessoa.

Durante a solenidade, o prefeito ressaltou sobre a celeridade das tratativas tomadas para a chegada da Casa da Mulher Brasileira na capital, como também a construção do Hospital da Mulher na capital. A secretária Karla Berger também frisou a articulação que vem sendo realizada para a implantação da CMB e destacou as ações que já vem sendo realizada pela Secretaria da Mulher para combater a violência de gênero.

Em menos de um ano, o Centro de Referência Esperança Garcia – serviço que atende mulheres em vulnerabilidade da SMPM – realizou 2.058 atendimentos. Segundo Karla, os números destacam a atenção da Secretaria da Mulher, através da Prefeitura de Teresina no que diz respeito ao enfrentamento do machismo e violência.

“É com muita alegria que coloco meu nome neste documento para Teresina ser um espaço cada vez mais justo e seguro para mulheres”, frisa Karla. “É um avanço para nossa capital e uma das grandes conquistas da nossa gestão em menos de um ano de trabalho”, destaca a secretária.

Casa da Mulher Brasileira em Teresina

A chegada da Casa da Mulher Brasileira em Teresina se aproxima. As tratativas, que se iniciaram desde o final de dezembro de 2020, têm avançado neste ano para poder chegar a sua conclusão. O local é um espaço que disponibilizará atendimento de mulheres em situação de violência doméstica. Além de garantir condições para o enfrentamento da violência vivenciada, a Casa visa a empoderar a mulher e sua autonomia econômica.

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, acompanha de perto o andamento dos trâmites para a construção da Casa da Mulher. “É um espaço que será acolhedor. Estamos felizes em participar das tratativas de um lugar que trará tantos benefícios para as mulheres”.
A secretária Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), Karla Berger, destaca a necessidade de impulsionar a execução das obras. “Nós precisamos muito desse espaço para acolher, apoiar e dar suporte às mulheres da nossa cidade. Elas pedem socorro e a Casa trará esse amparo que tanto buscamos e estamos prontos para acompanhar de perto a implantação. Estamos ao lado do prefeito Dr. Pessoa para buscar um diálogo mais direto com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos para alavancar o projeto”, explica a secretária Karla Berger.

As parcelas acordadas para a realização do projeto já foram pagas pela Prefeitura Municipal de Teresina, através da Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (SEMPLAN). O contrato é um investimento no valor de R $ 5.940.000,00.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments