domingo, dezembro 5O Piauí se conecta aqui!

Após quarentena na Escócia, Wellington Dias desembarca no Piauí e reassumir governo

O governador Wellington Dias (PT) desembarcou no Piauí e reassumiu, na manhã deste domingo (21), como funções exercidas pela vice-governadora Regina Sousa (PT) durante o período em que esteve ausente. 

O petista estava em Glasgow, na Escócia, deste o dia 07 de novembro, onde representava o Piauí na COP26. No dia 11 de novembro ele testou positivo para Covid-19 ao realizar exames obrigatórios para participação no evento.
  
O petista teve que cumprir uma quarentena de 10 dias e, portanto, o retorno ao estado foi adiado para este domingo (21). 

No Piauí, Wellington Dias classificou a situação como um momento “delicado” que foi superado e agradeceu como mensagens de apoio que estiveram enquanto esteve em isolamento.

“Graças a Deus com saúde, foi um momento delicado, mas, superamos. Fiz uma bateria de exames ainda na Escócia, que mudou a viajar e passar na Alemanha, que tem uma série de exames e exigências, São Paulo e Teresina […] Quero agradecer o carinho de pessoas que nesse período me confortavam com carinho e orações, sei o quanto isso foi importante neste momento em que estava isolado e sempre com muita saudade ”, pontuou. 

O governador também elogiou a vice-governadora e o trabalho da equipe do governo do estado que atuaram durantes os dias que passou em quarentena na Europa.

Regina Sousa, que atuou como governadora em exercício durante esse período, contou estar aliviada com o retorno de Wellington Dias ao Palácio de Karnak. Um vice revelou ter ficado apreensiva com o quadro de saúde do governador. Ele já havia sido diagnosticado com o vírus, anteriormente, e imunizado com as duas doses de vacina contra a Covid. 

“Primeiro, estou agradecida a Deus pela saúde dele. Estava aflita e estou aliviada agora. Foi mais pesado, porque tinha uma agenda marcada antecipadamente, então, tiva que casar a duas. Trabalhei bastante, mas dentro do normal, tudo que estava previsto ”, relatou.
 
Durante a ausência de Wellington Dias, Regina Sousa seguiu tanto com a agenda de vice, quanto com a do chefe Executivo. Neste período, a petista assinou o decreto que não vai o retorno do funcionamento do transporte alternativo intermunicipal, além da promoção de 421 policiais militares. 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments