Delegado espera identificar em cinco dias os responsáveis pelo ataque à sede do Porta dos Fundos

O grupo responsável pelo ataque à produtora Porta dos Fundos, no sábado, escondeu a placa do carro tipo SUV, usado na ação, com “silver tape”, fita adesiva de cor cinza. Com base em imagens colhidas de câmeras de prédios e da CET-Rio, equipes da 10ª Delegacia Policial (Botafogo) estão montando um croqui da trajetória de chegada e da rota de fuga do carro e da moto utilizados pelos quatro homens envolvidos na investida contra o prédio da produtora, na Rua Capitão Salomão, Humaitá.

Pela evolução das investigações, o delegado responsável, Marco Ribeiro, espera identificar os responsáveis em cinco dias. Os investigadores já sabem que os ocupantes do carro não usaram a fita adesiva o tempo todo, pois poderiam ser pegos em blitz policial.

O trabalho, até o momento, está concentrado no local do crime e imediações, mas o delegado admitiu que poderá ampliar para outras ações envolvendo o mesmo grupo.

— As diligências estão em andamento. Os envolvidos estão sendo identificados por vários recursos — disse.

Fonte: Extra.globo