Brasil registra 39.924 novos casos de coronavírus e atinge 1.966.748 infecções

SÃO PAULO (Reuters) – O Brasil registrou nesta quarta-feira 39.924 novos casos de coronavírus, o que eleva o total no país a 1.966.748, e mais 1.233 óbitos em decorrência da Covid-19, atingindo uma contagem total de 75.366 mortes, informou o Ministério da Saúde.

De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde da pasta, Arnaldo Correia de Medeiros, o número de óbitos continua extremamente elevado e preocupante no país, mas a contagem tem se mantido “relativamente constante” nas últimas semanas.

O Brasil é o segundo país com maior número de casos e mortes por Covid-19 no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

Medeiros reiterou, em entrevista coletiva, que a doença tem avançado pelo interior do Brasil, migrando dos grandes centros para os municípios menores, e alegou que um aumento recente nos índices de testagem contribui para que mais casos positivos sejam detectados.

Segundo o ministério, até o dia 11 de julho foram realizados cerca de 2,22 milhões de testes moleculares RT-PCR no país, contabilizando tanto os exames da rede pública quanto os da rede privada —até a semana anterior, o índice era de 2,12 milhões de testes.

São Paulo continua sendo o Estado brasileiro mais afetado pela doença, com 393.176 casos confirmados e 18.640 mortes. Na véspera, o Estado registrou o segundo maior número diário de óbitos desde o início da pandemia, com 417 mortes; nesta quarta, a contagem de novos óbitos foi de 316.

Ceará e Rio de Janeiro dividem o segundo lugar da lista por Estados divulgada pelo Ministério da Saúde. Embora o Estado nordestino tenham um número mais elevado de casos (141.248 infecções, 7.030 mortes), o Rio possui uma contagem maior de óbitos (134.449 casos, 11.757 mortes).

Pará, Bahia e Maranhão completam o grupo de Estados com mais de 100 mil casos confirmados da doença.

Para Medeiros, embora não estejam entre aqueles com maior contagem absoluta de casos, os Estados que mais preocupam são os localizados nas regiões Sul e Centro-Oeste, onde está havendo “efetivamente uma evolução, um crescimento do número de casos”.

O Brasil possui, ainda segundo o ministério, 1.255.564 pacientes recuperados da Covid-19 e 635.818 em acompanhamento.

A taxa de letalidade da doença no país é de 3,8%.

Fonte: Reuters Brasil